Homepage
Cruzado
Perspectivas
Fazer uma doação
Acerca de Fátima
Notícias
Documentação
Terceiro Segredo
Consagração
Orações
Livraria
Mesa de trabalho do Padre
Apostolado
Informações
THE FATIMA NETWORK
ImageMap for Navigation Porquê Fátima? Mapa do site Contacto
Essencial: Os Pedidos: A Irmã Lúcia e O Escapular Castanho

A Irmã Lúcia e O Escapular Castanho

A 13 de Setembro de 1917, a Virgem de Fátima tinha anunciado às três crianças a vinda de Nossa Senhora de Monte Carmelo no mês seguinte. A 13 de Outubro, durante o fechar do ciclo das aparições, quando tinha já terminado a conversa entre a Irmã Lúcia e Nossa Senhora do Rosário e enquanto a multidão contemplava o milagre cósmico e grandioso, os três pastorinhos desfrutaram de várias visões. Admiraram no céu três retratos sucessivos, dos quais o último foi Nossa Senhora de Monte Carmelo lembrando os mistérios gloriosos do Rosário. Essa mesma noite Lucia contou a sua visão ao Cônego Formigã o: no fim, a Virgem que me apareceu "parecia ser a Virgem de Monte Carmelo."

No fim dos anos 40, em conversa com três padres carmelitas, o Padre Donald O'Callagham, o Padre Albert Ward e o Padre Luis Gonzaga de Olveira, a Irmã Maria Lúcia do Coração Imaculado (mais bem conhecida como a Irmã Lúcia) lembrou que a Santa Virgem Maria desejava que fosse propagada a devoção ao Santo Escapular. Se Nossa Senhora, durante a Sua última aparição, o segurou nas suas mã os, foi para nos urgir que o usássemos, tal como nas aparições precedentes a presença do Rosário tinha evidentemente manifestado os desejos do Seu Coração.

A mensageira dos Céus também o explicou ao Padre Howard Rafferty quando o cura a interrogou em nome do Padre General dos Carmelitas, a 15 de Outubro de 1950: "Nossa Senhora," disse Lúcia, "segurava o escapular nas mã os porque quere que todos o usemos."




Formatado para impressão
Volta

imagemap for navigation Página inicial Mapa do site Contacto Pesquida Início da página>
<AREA SHAPE=DEFAULT HREF=